Capítulo 6

"Depois, o passeio junto ao rio, o sol a abrir-se num sorriso matreiro, a brincar sobre as águas que se aquietam, o canto matizado das gaivotas. A música continua com a passagem de uma caravela, azul e amarela, um par de namorados a fazer-lhes adeus, meio mundo espreita, pescadores de cana na mão, crianças com papagaios de papel, uma velhinha de bengala, um desportista que corre. Lá ao fundo, do outro lado, por baixo de uma nuvem rendilhada, o Cristo Rei a olhar e escutar admirado, o fado do amor desejado."
 
<< voltar